Como Bollywood popularizou ‘Gandhigiri’ no século XXI

Filme Lage Raho Munna Bhai. Crédito: Shemaroo

Já imaginou um mafioso que adota os ideais de Mahatma Gandhi? Uma comédia de Bollywood lançado em 2006 provocou o reencontro da juventude indiana com o líder pacifista. O personagem principal recria o que chama de Gandhigiri, um neologismo para Gandhismo — o pensamento do líder pacifista que liderou o movimento de independência da Índia. O filme  “Lage Raho Munnabhai” (“Vá em frente, Munnabhai”), do diretor Rajkumar Hirani, produzido por Vidhu Vinod Chopra, foi um sucesso de bilheteria naquele ano.

Murilo Prasad Sharma, o Munna Bhai, é um gangster que se apaixona pela voz de uma radialista. A moça anuncia uma competição sobre a vida de Gandhi para celebrar a data de seu nascimento, 2 de outubro. Munna Bhai sequestra um grupo de professores de História para aprender as respostas. Mas ele começa a ter alucinações com “Bapu” (“pai”, como Gandhi também é chamado na Índia). Isso tudo muda a sua vida.

Veja aqui uma cena desta comédia falada em Hindi, com legendas em inglês do YouTube:

A ideia transmitida no filme é de que é possível aplicar o pensamento de Gandhi nas pequenas coisas da vida. Pode-se simplesmente evitar uma briga com um amigo, não gritar  com os outros, ter mais paciência.

“Lage Raho Munnabhai” foi o primeiro filme em Hindi transmitido no auditório das Organizações das Nações Unidas (ONU), em 10 de novembro de 2006, por iniciativa de um diplomata indiano.

Mohandas K. Gandhi, o Mahatma (“grande alma” em hindi) foi o líder pacifista que conseguiu a independência da Índia do Império Britânico em 1947.  Um ótimo livro para se conhecer as ideias de Gandhi, em português, é a autobiografia “Minha vida e minhas experiências com a verdade” (Editora Palas Athena).

Filme Gandhigiri. Crédito: Aagaman Films

Na época do lançamento do filme, clubes “Gandhigiri” começaram a surgir em vários lugares da Índia, com o objetivo espalhar as lições do Gandhismo em situações práticas da vida moderna, como ter mais paciência no trânsito, por exemplo, distribuir rosas em protestos, uma forma de atrair a atenção para as causas.  

Outro filme sobre a importância dos valores de Gandhi na sociedade moderna  foi lançado em 2016: “Gandhigiri”, de Sanoj Mishra. O personagem principal é Rai Saheb, um estudante de origem indiana que mora no exterior e é seguidor das ideias gandhianas, influenciado pelo pai, que teve papel ativo na luta pela independência da Índia. Rai volta à Índia e se depara com pessoas que trilham caminhos errados. Rai consegue fazê-los entender a importância das mensagens deixadas pelo líder pacifista.

Depois de sua morte, Albert Einstein disse que as gerações futuras não acreditariam que um homem como Gandhi havia existido. Será?

— Florência Costa

Seja o primeiro a comentar em "Como Bollywood popularizou ‘Gandhigiri’ no século XXI"

Deixe seu comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*