Quer uma maratona indiana no Netflix? Aqui estão algumas dicas:

Crédito: Dharma Productions

Você entra no Netflix, quer ver um filme indiano, mas não sabe qual?  Veja aqui uma lista de alguns dos mais interessantes:

2 STATES (2014) – Os estudantes Krish e Ananya esperam ganhar o apoio de seus pais antes de casar, mas as duas famílias, uma do Sul da Índia e a outra do Norte do país,  se digladiam devido às suas grandes diferenças culturais. Com Alia Bhatt, Amrita Sihsh e Arjun Kapoor. Diretor: Abhishek Varman.

LUST STORIES (2018) – Uma sequência de Bombay Talkies lançado cinco anos antes, este filme, em Hindi, conta quatro histórias  que exploram amor, sexo e relacionamentos na Índia moderna. Os filmes são dos mesmos quatro diretores indianos de Bombay Talkies. Com Vicky Kaushal, Bhumi Pednekar e Radhika Apte. Diretores: Zoya Akhtar, Karam Johar, Dibakar Banerjee e Anurag Kashyap.

Veja o trailer do Netflix:

UMRIKA (2015)– Um homem ambicioso deixa seu pequeno vilarejo para ir para os Estados Unidos. Quando suas cartas param de chegar em sua casa, seu irmão caçula  parte para sua própria aventura. O filme é na língua Hindi. Com Suraj Sharma, Tony Revolori e Smita Tambe. Diretor: Prashant Nair.

DHOBI GHAT (2010) – Em um drama íntimo, as circunstâncias unem quatro pessoas de castas diferentes, o que poderia normalmente ser um impeditivo para a sua amizade. O título do filme, falado em Hindi e Inglês, faz referência aos lavadores de roupas a céu aberto de Mumbai, a profissão de um dos personagens. A trilha sonora foi composta pelo premiado Gustavo Santaolalla. Com Aamir Khan, Monica Dogra, Kriti Malhotra e Prateik Babbar. Diretora: Kiran Rao.

 THE VIOLIN PLAYER (2016) – Um dia na vida de um violinista desempregado de Bollywood,  em Mumbai, que encontra a sua expressão artística em lugar improvável. Com Ritwick Chakraborty, Adil Hussain e Nayani Dixit. Diretor: Bauddhayan Mukherji

QARIB QARIB SINGLE (2017) – Uma viúva de 35 anos que vive sozinha começa a usar um app de relacionamentos e encontra um poeta boa vida. Ela parte para uma viagem com ele para encontrar três de suas ex-namoradas. Os principais atores deste filme, em Hindi, são: Irrfan Khan, Par Vathy e Neha Dhupia. Diretora: Tanuja Chandra.

Veja o trailer do Zee Studios:

PEEPLI LIVE (2010) – Dois agricultores consideram a hipótese de cometer suicídio para que suas famílias consigam receber um subsídio governamental. A ameaça é acompanhada ao vivo pelas TVs. O filme, falado em Hindi, é uma crítica social sobre a situação da Índia rural, sobre o oportunismo político  e também sobre a avidez da mídia por notícias que atraiam os telespectadores. Com Omkar Das Manikpuri, Rashuvir Yadav e Malaika Shenoy. Diretores: Anusha Rizvi e Mahmood Farooqui

MUMBAI CHA RAJA (2012)– A história de um garoto, Rahul,  que cresce numa favela de Mumbai, e cujo pai, alcóolotra, o maltrata e à mãe. Com Rahul Bairagi, Arbaaz Khan e Tejas Parvatkar. Diretor: Manjeet Singh

THITHI (2016) – Em um vilarejo do Sul da Índia, três gerações reagem à morte do patriarca centenário da família. O filme, do estado de Karnataka, é falado na língua  kannada. Com Thammegowda S, Channegowda e Abhishek H.N. Diretor: Raam Reedy

Veja o trailer do Prspctus Productions

RADIOPETTI (2015) – Um senhor com problemas de audição mantém-se conectado com o mundo do passado por meio do rádio que ganhou na sua infância. Ele fica psicologicamente perturbado quando perde o rádio. O filme foi produzido no estado de Tamil Nadu (extremo Sul da Índia) e é falado na língua tâmil. Com Lakshmanan Koratur, TVV Ramanujam e Shobana Mohan. Diretor: Hari Viswanath

PAD MAN (2018) – Apesar da humilhação pública e reação negativa, um empresário propagandeia um absorvente de baixo custo que pode ser consumido até mesmo pelas mulheres indianas mais pobres. O filme é falado em Hindi. Com Akshay Kumar, Sonam Kapoor e Radhika Apte. Diretor: R. Balki.

QUEEN (2014) – Uma noiva abandonada decide ir sozinha para a sua planejada lua-de-mel e acaba embarcando em uma viagem de auto-descobrimento. Os principais atores deste filme, em Hindi, são Kangana Ranaut, Raj Kumar Rao e Lisa Haydon. Diretor: Vikas Bahl.

LIAR’S  DISC (2013) – Uma mulher de um pequeno vilarejo nas montanhas  desobedece os moradores mais velhos (que na tradição indiana aconselham os mais novos) e parta para uma grande cidade em busca de seu marido desaparecido. O filme, em Hindi, examina o custo humano da migração para as cidades e a exploração dos trabalhadores migrantes. Com Nawazuddin Siddiqui, Geetanjali Thapa e Manya Gupta. Diretora: Geethu Mohandas.

PK (2014) – Esta sátira social conta a história de um um alienígena ingênuo que acaba desembarcando na Terra e terra o seu instrumento de comunicação. Ele é aconselhado a rezar para voltar para casa e sua busca por Deus acaba revelando a ele a crença cega na religião organizada. O filme é em Hindi e seus principais atores são: Aamir Khan, Anushka Sharma e Sanjay Dutt. Diretor: Raj Kumar Hirani

BOMBAY TALKIES (2013) – Um homem gay lida com a sua sexualidade, um ator falido luta para sobreviver após a morte de seu pai; um garoto de 12 anos que sonha ser um dançarino de Bollywood; um homem tenta cumprir o último desejo de seu pai moribundo. Quatro histórias de alguns dos maiores diretores do cinema indiano, um filme, em Hindi, lançado no ano em que a Índia comemorava os 100 anos de seu cinema. Com Rani Mukerjee, Randeep Honda e Saqib Saleem. Diretores: Anurag Kashyap, Dibakar Banerjee, Karam Johar  e Zoya Akhtar

Crédito: Viacom 18 Motion Pictures



LAGAAN: ERA UMA VEZ NA ÍNDIA (2001)– Na Índia de 1890, um arrogante comandante britânico   desafia os moradores de um vilarejo no meio do deserto. Ele propõe um jogo de críquete entre britânicos e indianos. Se os indianos perderem vão pagar mais impostos.  O filme , em Hindi, concorreu ao Oscar de Melhor Filme Estrangeiro. Com Aamir Khan, Gracy Singh, Rachel Shelley, Paul Blackthorne. Diretor Ashutosh Gowariker.

DANGAL (2016)– Um campeão de luta livre consegue a medalha de ouro que sempre sonhou treinando suas duas filhas. O filme, na língua Hindi, tem como atores Aamir Khan, Sakshi Tanwar e Fatima Sana Shakh. Diretor: Nitesh Tiwari.

TOILET: UMA HISTÓRIA DE AMOR  (2017)- No seu primeiro dia de casamento, uma mulher deixa seu marido após saber que sua casa nova não tem banheiro, desencadeando um debate  _ muito atual na Índia de hoje _ sobre a necessidade de a população rural ter banheiros adequados. O filme é em Hindi. Com Akshay Kumar, Bhumi Pedmekar e Divyendu Sharma. Diretor: Shree Narayan Singh.

LOVE PER SQUARE FOOT (2018) – Funcionários de um banco, Sanjay e Karina não ganham o suficiente para poderem comprar uma casa. Então, eles decidem encarar um casamento de conveniência. Com Vicky Kaushal, Angira Dhar e Alankrita Sahai. Diretor: Anand Tiwari

Veja aqui o trailer do Netflix:

MANTO (2018) – A história do controverso e problemático escritor indo-paquistanês Saadat Hasan Manto, que é desafiado por seus censores. Com Nawazuddin Siddiqui, Rasika Dugal e Tahir Raj Bhasin. Diretora: Nandita Das

— Florencia Costa

Seja o primeiro a comentar em "Quer uma maratona indiana no Netflix? Aqui estão algumas dicas:"

Deixe seu comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*